Tarauacá encerra revisão biométrica com 83,31% dos eleitores atendidos

Estatística divulgada pela Justiça Eleitoral mostra que de 25.891 eleitores, 3.695 não compareceram ao atendimento

Biometria em Sena Madureira

Mais de 21 mil eleitores de Tarauacá, que representam 83,31% do eleitorado, compareceram ao atendimento no Fórum Eleitoral do município para a coleta de dados biométricos, cujo prazo se encerrou na última sexta-feira, 17. O atendimento vinha ocorrendo desde 2017 e o comparecimento do eleitor ao cartório se tornou obrigatório desde o dia 11 de março deste ano, já em que 2020 as eleições no Acre serão 100% biométricas.

A estatística divulgada pela Justiça Eleitoral mostra que de 25.891 eleitores, 3.695 não compareceram ao atendimento. Estes terão o título cancelado e deverão comparecer ao Fórum Eleitoral de Tarauacá para fins de regularização.

“O eleitor que deixou de comparecer ao recadastramento poderá solicitar a regularização. Contudo, o processamento da operação no sistema do Cadastro Eleitoral só poderá acontecer após o cancelamento das inscrições não apresentadas no prazo estipulado pelo TRE, o que levará em torno de dois meses”, esclareceu a coordenadora da Corregedoria Regional Eleitoral, Arlete Freires.

Outros nove municípios acreanos passam pela revisão biométrica obrigatória: Sena Madureira, Feijó, Mâncio Lima, Manoel Urbano, Marechal Thaumaturgo, Rodrigues Alves, Santa Rosa do Purus, Jordão e Porto Walter. Confira o cronograma: http://www.tre-ac.jus.br/eleitor/biometria-2019

Devem comparecer ao atendimento todos aqueles eleitores que não possuem os dados biométricos coletados pela Justiça Eleitoral, de segunda a sexta, de 7 às 14h ou aos sábados, de 8 às 12h, portando um documento oficial com foto, CPF e comprovante de endereço. Cidadãos do sexo masculino, maiores de 18 anos, que irão solicitar o primeiro título, devem apresentar também o certificado de reservista.

Últimas notícias postadas

Recentes