“Os mestres da educação são pilares da construção de uma sociedade evoluída”, diz presidente do TRE-AC

Durante conversa com a Desembargadora Eva Evangelista, o magistrado aproveitou a data alusiva ao Dia dos Professores para lembrar a importância destes profissionais

Os mestres da educação são pilares da construção de uma sociedade evoluída

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Acre, Desembargador Francisco Djalma, recebeu na última sexta-feira, 15, a visita da vice-presidente e corregedora do TRE-AC, em exercício, Desembargadora Eva Evangelista.

Durante a conversa, o magistrado aproveitou a data alusiva ao Dia dos Professores para lembrar a importância destes profissionais. “Os mestres da educação são pilares da construção de uma sociedade evoluída”, disse.

Muitos desconhecem, mas esta data é comemorada há quase 200 anos. Em 1827, o imperador D. Pedro I instituiu um decreto criando o Ensino Elementar no Brasil, com as escolas de primeiras letras em todos os vilarejos e cidades do país. É de conhecimento de todos que há muitos magistrados e servidores que dedicam parte de suas vidas ao magistério.

O Decreto de D. Pedro I tratava da descentralização do ensino, do salário dos professores, das matérias básicas que todos os alunos deveriam aprender e até sobre como os professores deveriam ser contratados. Então, vem de longe essa bonita história de profissionais que são pilares da construção de uma sociedade evoluída, instruída e capaz de ser protagonista consciente de seu próprio destino.

Reconhecida como uma excelente professora da Universidade Federal do Acre, do curso de direito, a Desembargadora Eva Evangelista, cujo magistério a possibilitou lecionar para muitos magistrados e servidores do Poder Judiciário Acreano, disse que sempre foi fascinada pelo processo ensino-aprendizagem. “É uma troca maravilhosa de conhecimento e vivências. Quando se é magistrado-professor ou professor-magistrado, a depender do ponto de vista, há um ganho significativo, porque a docência leva à magistratura o dever de estar constantemente atualizado. Aos professores, desejo cada vez mais amor pelo conhecimento e dedicação para continuar sendo fonte de inspiração e esperança”.

“É como nos ensina Paulo Freire, aos professores, fica o convite para que não descuidem de sua missão de educar, nem desanimem diante dos desafios. Pois, se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda”, destacou o Desembargador Francisco Djalma, agradecendo a todos os professores em sua trajetória de aprendizados.

Últimas notícias postadas

Recentes

Nota

Dia da Justiça - 8 de dezembro